Blefaroplastia (Pálpebras)

Perguntas e Respostas

1 Em que é que consiste uma Blefaroplastia?
A Blefaroplastia consiste numa intervenção cirúrgica a nível das pálpebras superiores e inferiores com o objetivo de remover o excesso cutâneo e o excesso de gordura.
Com a Blefaroplastia consegue-se uma melhoria das rugas ao redor dos olhos mas não corrige as rugas da maçãs do rosto, fronte ou dos “pés de galinha”. Também não corrige as quedas dos supracílios (sobrancelhas).
2 Quando está aconselhado fazer uma Blefaroplastia?
Pode desejar realizar uma Blefaroplastia para melhorar a aparência global da face ou para corrigir os efeitos do envelhecimento; esta intervenção pode ser combinada com uma ritidectomia (“lifting”).
3 Como é que a Blefaroplastia me pode ajudar?
Caso deseje fazer uma Blefaroplastia deve começar por consultar um Cirurgião Plástico. Deve expor abertamente os seus objetivos e expectativas acerca da cirurgia.
Deve, contudo, ficar com a ideia que o resultado que se pretende é melhorar e não atingir a perfeição.
4 Devo ficar internada?
A Blefaroplastia pode ser efetuada e ter alta no próprio dia ou então necessitar de um internamento de curta duração. Depende, sobretudo, do seu estado de saúde.
A intervenção pode ser realizada sob anestesia local (com ou sem sedação) ou sob anestesia geral.
5 Como é realizada a Blefaroplastia?
A intervenção cirúrgica a efetuar depende da quantidade de pele e gordura a remover, do seu estado clínico e da avaliação do seu Cirurgião.
Em geral, são marcadas as incisões nas pálpebras superiores e inferiores a nível das pregas cutâneas naturais que depois se prolongam até aos “pés de galinha”, na parte externa do olho. Após a remoção cuidadosa do excesso cutâneo e adiposo a incisão é encerrada. A duração média é de duas a duas horas e meia.
6 Fico com alguma cicatriz?
As cicatrizes são o resultado inevitável de qualquer cirurgia. O seu Cirurgião fará todos os esforços para que a cicatriz final seja o menos visível possível. Assim as cicatrizes são colocadas nas linhas cutâneas naturais e vão tornando-se menos perceptíveis com o passar do tempo.
7 Qual a importância dos fatores psicológicos para a realização de uma Blefaroplastia?
A estabilidade emocional é o fator primordial na realização de uma intervenção cirúrgica de natureza estética. Uma “face nova” não é por si só uma garantia para uma melhoria de vida ou um meio para resolução de todos os problemas pessoais; uma Blefaroplastia melhora a sua aparência e renova a sua autoconfiança; tudo o resto fica por sua conta.
8 Quais os resultados que deve ficar á espera?
O que se pretende é que fique com uma aparência mais jovem. As pregas cutâneas e as bolsas adiposas são removidas e os sulcos palpebrais melhorados. Para correção da queda das sobrancelhas, das rugas da testa ou do resto da cara serão necessárias outros tipos de intervenções cirúrgicas, como sejam o “lifting” frontal ou a ritidectomia (“lifting”).

É necessário realçar que a simetria perfeita entre um e outro lado da cara não pode ser garantida, mesmo que cada lado da cara não é exatamente igual ao outro.
9 Existem alguns efeitos secundários duma Blefaroplastia?
Em geral ocorre alguma equimose e inchaço ao redor dos olhos, que podem persistir duas a três semanas. Pode ocorrer visão turva durante um curto período de tempo e um aumento da produção de lágrimas. Deve seguir com cuidados as recomendações do seu Cirurgião para reduzir o risco de complicações.
O seu Cirurgião discutirá outros efeitos secundários consigo na Consulta.
10 Quando é que posso retomar a atividade normal?
A maioria dos doentes pode retomar o trabalho ao fim de sete a dez dias. Nesta altura já pode aplicar cosméticos e tem que ter a preocupação de evitar a radiação solar.

Atendimento via Chat

)
    is typing...

    Preencha o formulário abaixo para nos enviar uma mensagem. No campo de mensagem inclua seu WhatsApp e Telefone fixo.

    Enviar uma Mensagem Cancel
    error: Content is protected !!